Você já teve dor de dente? Conheça as causas e o que fazer nesse caso

Uma das dores mais insuportáveis é a de dente, que pode surgir pelos seguintes fatores: retração gengival (dor provocada por frio e calor), fraturas dentais e cárie, sendo que essa última pode evoluir para a dor do “canal”.

A dor começa pela estrutura dentária abaixo do esmalte do dente, chamada dentina, já existente na coroa dental. Ela pode atingir qualquer faixa etária, já que a dor está relacionada ao cuidado com os dentes e à higiene bucal diária. Fio dental e escovações corretas após refeições, são essenciais para uma boa saúde bucal.

Mas o que fazer se a dor de dente te pegar?

Segundo o Dr. José Henrique de Oliveira, cirurgião dentista e diretor do INPAO Dental – Instituto de Previdência e Assistência Odontológica, até chegar ao cirurgião dentista, é recomendado tomar um analgésico para diminuir o incômodo. “Porém, se a dor for causada por problema de canal, nenhum remédio será capaz de levar alívio ao paciente, sendo apenas o cirurgião dentista capaz de resolver a causa da dor”, explica.

Dicas de Escovação Dental:  

— Não tenha pressa. Esse é um hábito diário que deve ser feito com cuidado. A boa escovação dura pelo menos dois minutos.

— Sua escova deve alcançar o sulco gengival, que é o espaço entre gengiva e dente, onde se instala a placa bacteriana, formada por resíduos de alimentos e bactérias.

— A escova deve estar inclinada na lateral dos dentes, mais ou menos num ângulo de 45 graus, pressionando levemente o sulco gengival para as cerdas penetrarem nesse espaço.

— Depois do posicionamento correto, basta ‘varrer’ a sujeira com movimentos para baixo (da gengiva para os dentes), pelo menos cerca de oito a 10 vezes em cada dente. Isso vale para as partes externa e interna do arco dental.

— Movimentos de vaivém são ideais para escovar as superfícies dos dentes, tanto da parte inferior quanto superior.

— A escova de dentes deve ser trocada a cada três meses ou no primeiro sinal de desgaste.

 

Como usar o fio dental para prevenir doenças bucais

— Use pelo menos após as refeições.

— Fio ou fita? Tanto faz, mas não deve desfiar e deve ser usado corretamente.

— O tamanho ideal do fio a cada uso é de 30 a 40 cm. Utilize sempre um espaço de fio dental limpo em cada dente.

— Pratique esse hábito de frente para o espelho, isso vai facilitar observar se você está fazendo os movimentos corretamente.

— O fio deve abraçar o dente, entrando no sulco gengival, por todos os lados. Depois de entrar, deve deslizar para baixo para retirar a sujeira.

— Realize essa ação com movimentos delicados para não machucar sua gengiva.

— Primeiro utiliza-se o fio dental e depois faz-se a escovação. Ao final de tudo, escovar a língua.

— O uso de enxaguantes bucais, sem álcool, é facultativo.