Dois frascos contendo dez doses da CoronaVac cada, foram furtados no posto de saúde da cidade de Canindé, na região do Sertão Central do Ceará. O Corrido no último dia 22 de fevereiro, só foi confirmado nesta terça-feira, 16 de março, pelo titular da Delegacia Regional de Canindé, Daniel Aragão Mota.

Segundo o delegado, os funcionários do Centro de Saúde Chico Campos, no centro da cidade, perceberam a falta das doses na manhã do dia 23 de fevereiro, após a conferência de rotina. Tudo indica que o furto aconteceu no dia anterior, visto que é feito uma contagem no final do expediente e outra depois do meio-dia.

Os imunizantes faziam parte do primeiro lote de vacinas da CoronaVac que chegou ao Ceará ainda no mês passado.