Foto: WhatsApp O Lagoa

Em protesto durante as eleições neste domingo (28), um homem foi preso, após atear fogo e destruir uma urna eletrônica em Fortaleza. O caso aconteceu no bairro Canindezinho. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral no Ceará (TRE-CE), o suspeito havia levado o material inflamável para o local, assim que se dirigiu a urna, ele ateou fogo.

Logo após o crime, o suspeito foi preso em flagrante por policiais que estavam no local. O homem foi levado para a sede da Polícia Federal na Capital.

Apesar da urna ter pegado fogo, de acordo com o Tribunal Regional Eleitoral, o cartão de memória do equipamento não foi prejudicado, computando assim todos os votos.