Foto: Divulgação

Um trabalho de inteligência coordenado pela Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) resultou na prisão de um homem suspeito de participar do roubo a uma joalheria, em maio deste ano, dentro de um shopping na Capital. A prisão ocorreu nessa segunda-feira (1º), no bairro Siqueira – pertencente à Área Integrada de Segurança 2 (AIS 2) de Fortaleza. O suspeito, que estava com o mandado de prisão em aberto pelo crime de roubo, foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma de fogo, pois, no momento da captura, ele estava em posse de um revólver.

Com auxílio de imagens registradas por câmeras de segurança acerca de um roubo a uma joalheria, ocorrido dentro de um shopping, no dia 4 de maio deste ano, no bairro Aldeota (AIS 1), os agentes de segurança pública iniciaram diligências a fim de identificar e prender os suspeitos de atuarem na ação criminosa. Na ocasião, um homem entra na loja se passando por cliente, rende as funcionárias e rouba várias joias. Com isso, no curso das investigações, os policiais civis confirmaram a participação de Natanael Dutra Lins (18).

Em ato contínuo, as autoridades policiais representaram pela prisão preventiva de Natanael, que foi deferida pelo Poder Judiciário e cumprida ontem. Natanael, que também é conhecido por “Nael”, foi localizado em um imóvel no bairro Siqueira. No momento da abordagem policial, “Nael” estava em posse de um revólver calibre 38. Com isso, ele foi conduzido à sede da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF).

Na unidade policial, além do cumprimento de mandando de prisão preventiva pelo crime de roubo, ele foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma de fogo. A especializada segue investigando o caso, a fim de identificar os demais partícipes deste esquema criminoso.