img_bd_r_w_sql-3-1 Segurança Fazer um test drive em um automóvel, para muitas pessoas, representa a chance de experimentar a potência do carro dos sonhos antes da compra. Mas para um homem identificado como Leandro Oliveira Leite (27) era a oportunidade de furtar veículos sem chamar muita atenção. Os testes feitos por ele viraram casos de Polícia e, na última sexta-feira (17), a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) interrompeu o esquema criminoso dele e de outros dois comparsas. A captura do trio se deu no bairro Conjunto Esperança em Fortaleza.

As investigações resultaram nas prisões de Leandro Oliveira Leite (27), que responde por estelionato, Emerson Costa Antônio (29), que responde a seis procedimentos policiais por roubo, sendo dois por roubo de veículo, além de outros dois por porte ilegal de arma de fogo, e Janderson Melo da Silva (29), que responde por posse e porte ilegal de arma de fogo.

De acordo com o delegado Fernando Cavalcante, responsável pelas investigações, Leandro é apontado como o autor do “golpe do test drive”, aplicado em revendedoras e concessionárias para roubo de carros.

A captura do trio se deu em uma churrascaria, no bairro Conjunto Esperança. Os policiais chegaram aos suspeitos após receberem informações sobre a localização deles e que estavam prestes a cometer novos delitos. Os investigadores montaram vigilância em pontos estratégicos do bairro.

Leandro foi preso em cumprimento a um mandado de prisão preventiva por roubo e também autuado em flagrante, juntamente com Emerson e Janderson, por associação criminosa e na Lei das Organizações Criminosas. Dando continuidade ás diligências, Emerson indiciou aos policiais a localização de um revólver calibre 38 com cano longo e numeração raspada, em um sítio próximo ao Anel Viário. O procedimento policial foi registrado na sede da DRFVC, para onde os presos foram encaminhados. Se somadas as ocorrências nas quais os três são envolvidos, juntos, eles são suspeitos de subtraírem pelo menos 20 carros.

Agora, a DRFVC busca João Saldanha de Pontos, 37 anos, apontado como o quarto integrante do bando.