Foto: Divulgação

Nas primeiras horas da manhã de hoje (05), a Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) deflagrou a “Operação Blackout”, que em português significa queda de energia ou queda de força, que visa desarticular uma organização criminosa com atuação no tráfico de drogas nos bairros pertencentes à Área Integrada de Segurança 1 (AIS 1) de Fortaleza. Com 30 decisões judiciais em mãos, até o momento, as equipes da Delegacia de Narcóticos (Denarc) já cumpriram nove mandados de prisão e 16 de buscas e apreensão contra os alvos. Veículos e celulares foram apreendidos no trabalho operacional.

Com o efetivo de 70 policiais civis, as equipes se dividiram nos bairros Vicente Pinzón e Cais do Porto – na comunidade Castelo Encantado –, onde lograram êxito e localizaram os suspeitos que se encontravam com os mandados de prisão preventiva em aberto. Dos nove alvos, oito homens e uma mulher, dois já se encontravam recolhidos em unidades prisionais respondendo por outros crimes. Os alvos, que segundo informações policiais, não reagiram à ofensiva policial, são membros de um mesmo coletivo criminoso, com atuação na comercialização e distribuição de drogas pela região. Os mandados de prisão solicitados pela Denarc ao Poder Judiciário, são relacionados aos crimes de tráfico de drogas e por integrar organização criminosa.

Ainda foram cumpridos 16 mandados de busca e apreensão que culminaram na apreensão de veículos e celulares que serão periciados. Ainda segundo a PC-CE, os alvos são investigados por ameaçar moradores da região, bem como são responsáveis pela distribuição de armas. A Denarc segue investigando o caso.