policia ceara rosalina

Um homem apontado como o chefe de uma organização criminosa na comunidade da Rosalina, no bairro Barros, em  Fortaleza, foi preso após uma investigação da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE). O acusado, foi capturado por equipes Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) durante uma ação na terça-feira (23), com o apoio da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core).

As diligências policiais que culminaram na prisão do suspeito integram as investigações conduzidas pela Draco em torno de atividades de apologia ao crime, que foram registradas em Fortaleza nos últimos dias. Durante a operação ocorrida na comunidade da Rosalina, os policiais civis seguiram até um imóvel da região, de onde o acusado tentou fugir ao perceber a chegada das equipes da PCCE. Por meio de um rápido cerco ao local, a Polícia Civil efetuou a prisão do suspeito, que já responde criminalmente por tráfico de drogas, associação para o tráfico, crime ambiental e resistência. Ao tentar fugir, ele se livrou de uma arma de fogo, que foi apreendida logo em seguida, jogando-a em um terreno. Com isso, ele falou para os agentes de segurança a localização dos demais armamentos, que foram encontrados em um matagal próximo.

No total, quatro armas de fogo e outros equipamentos foram apreendidos, sendo dois revólveres calibre 38, uma pistola calibre .40, uma espingarda calibre 12, dois carregadores e 63 munições de calibres variados. No interior da casa, os policias encontraram ainda 270 trouxinhas prontas de crack e nove gramas separadas do mesmo entorpecente, 65 gramas de cocaína, 27 trouxinhas de maconha, 270 gramas de insumos utilizados para o desdobramento de cocaína, além de anotações e materiais oriundos do tráfico. o Homem foi encaminhado à sede da Draco, onde foi ouvido. Ele foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo. Agora, se encontra à disposição da Justiça.