A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) deu cumprimento a um mandado de prisão temporária, na última quarta-feira (10), em desfavor de um suspeito de estupro de vulnerável no município de Crateús. A ação foi realizada pelos policiais civis após diligências na zona rural do município.

O mandado de prisão temporária foi expedido em fevereiro de 2020 após o crime, praticado em agosto de 2019 no mesmo município contra a vítima, que é uma pessoa com deficiência intelectual. As equipes compostas por policiais civis realizaram novas diligências na zona rural de Crateús e obtiveram informações de que o suspeito se encontrava na área. Após as buscas, os policiais civis dirigiram-se ao local, onde o suspeito foi localizado.

Após a abordagem realizada pelos policiais civis, o suspeito não reagiu e foi conduzido à Delegacia Regional de Crateús da Polícia Civil, onde foram realizados os procedimentos necessários. Em seguida, o suspeito foi transferido para a unidade prisional da região e segue à disposição da Justiça.