Foto: Divulgação

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), em uma resposta rápida, localizou uma bebê de oito meses que estava desaparecida desde o último dia 14, na Capital. A criança foi localizada na manhã desta quinta-feira (18), após o pai dela comparecer na sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), onde funciona a 12ª Delegacia, unidade especializada em casos de pessoas desaparecidas em Fortaleza. O pai levou a pequena, prestou depoimento e esclareceu o caso.

O homem foi até a unidade policial após tomar conhecimento das diligências que os policiais civis desenvolviam para encontrar a bebê. O homem foi ouvido e deu sua versão para o caso. A delegada Arlete Silveira, titular da 12ª DH – delegacia responsável por investigar os casos de desaparecimento –, explicou que o caso inicialmente chegou como desaparecimento, mas na realidade tratava-se de um conflito familiar. Dessa forma, foi acionado o Núcleo de Atendimento às Vítimas de Violência (NUAVV) do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) e o Conselho Tutelar, que irão fazer o acompanhamento do caso.

O caso

As investigações iniciais apontavam que a bebê havia sido levada pelo genitor, da casa onde mora com os pais no bairro Montese, na Área Integrada de Segurança 05 (AIS 05) de Fortaleza, na madrugada do último dia 14, enquanto a mãe dormia. Desde então, ela permanecia como desaparecida até a manhã desta quinta-feira (18), quando foi levada até a sede do DHPP.