Motorista-do-uber Segurança
(Foto: Arquivo Pessoal)

Em entrevista coletiva na manhã desta quinta-feira (27), a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), divulgará mais detalhes sobre a prisão de dois adolescentes suspeitos de matar o motorista da Uber no último domingo (23).

O estudante de Publicidade e motorista da Uber, Guilherme Silva Maia, foi assassinado a tiros, enquanto chegava para deixar um cliente no bairro Ancuri, em Fortaleza. Segundo informações passadas pela delegada da DHPP, Ana Victória Almeida, Guilherme desrespeitou a “ lei” da facção criminosa que domina o tráfico de drogas naquela região.

“Os tiros foram perpendiculares e alinhados, na porta. Com isso, a gente levanta a hipótese de que um carro tenha parado ao lado e alguém tenha atirado de dentro desse carro”, comentou a delegada.

Em vários bairros de Fortaleza frases como essas que terminou com a morte do motorista da Uber é comum de se ver.