Foto: DIvulgação

O prefeito Roberto Cláudio assinou, na manhã desta quinta-feira (09), a ordem de serviço para início das obras de requalificação viária da Avenida Desembargador Moreira, no bairro Meireles. O projeto possibilitará mudança paisagística e no trânsito, interligando dois importantes corredores comerciais, os das avenidas Dom Luís e da Abolição. Além de promover a priorização de pedestre na via,

Assista ao vídeo da maquete eletrônica da obra.

“Esperamos garantir mais acessibilidade, segurança viária e comodidade aos pedestres. Não tenho dúvida que esta área ficará transformada, prestigiando a atividade comercial e oportunizando a geração de emprego e renda, fazendo ainda com que turistas e moradores possam aproveitar mais de Fortaleza”, declarou Roberto Cláudio

Considerada via de conexão da região hoteleira ao aeroporto, a Av. Desembargador Moreira é tida como a principal porta de entrada da Cidade para os turistas que desejam conhecer ou se hospedar próximo às praias de Iracema e Meireles. Com a execução das obras na região, a via ganhará um amplo e colorido calçadão, priorizando o pedestre e melhorando a utilização dos espaços, já que o mesmo será integrado às novas calçadas da Praça Portugal, na esquina com Av. Dom Luís.

Dividida em etapas, a requalificação corresponde ao trecho entre a Av. Pontes Vieira e Av. Abolição, que receberá serviços de urbanização, pavimentação asfáltica, calçadas com piso intertravado, rampas de acessibilidade,  sinalização, reforma do canteiro central, pavimento em concreto nos pontos de ônibus, iluminação e paisagismo.

Manuela Nogueira, secretária da Infraestrutura, explicou que a expectativa é que todos possam usufruir mais da Capital. “A ideia é que as pessoas possam sair de suas casas a pé, irem à padaria, ao supermercado, ao shopping, que se sintam atraídas para caminhar na Cidade, possibilitando mais segurança, qualidade de vida, acabando com o sedentarismo. Que possibilite que elas venham para rua e abracem a Cidade”, completou.

Titular da Regional II, Ferruccio Feitosa, lembrou que para a promoção das atividades no local, aconteceram diversos momentos de consulta popular, almejando que o projeto contemplasse necessidades plurais. “Dialogamos com os comerciantes, com as pessoas que empreendem na área e moradores, apresentando projetos e colhendo sugestões deles. Além disso, realizamos duas audiências públicas e diversas reuniões mostrando a importância dessa avenida para Fortaleza”, atentou.

Orçada em R$ 11,2 milhões, as obras na Av. Desembargador Moreira terão duração de até 12 meses e serão divididas em três trechos, levando em consideração as áreas específicas da via, como rede hoteleira, comercial e residencial.

Trecho 1 – Entre avenidas Padre Antônio Tomás e Pontes Vieira

A Av. Desembargador Moreira, no trecho entre as avenidas Padre Antônio Tomás e
Pontes Vieira, passará por obras de requalificação viária com a retirada do antigo pavimento e implantação de novo asfalto, além da reconstrução do canteiro central, sinalização, itens de acessibilidade e pavimento em concreto nos pontos de ônibus. A obra visa facilitar o tráfego de pedestres e veículos, além de recuperar toda a malha viária em direção ao aeroporto.

Trecho 2 – Entre avenidas Padre Antônio Tomás e Dom Luís

Neste trecho está prevista a substituição de todo o asfalto da via por piso intertravado (blocos em concreto) o que irá facilitar o escoamento da água, além de melhorar a sensação térmica da via. Não haverá mudanças no tráfego neste trecho, que permanecerá com dois sentidos. A urbanização desta extensão da avenida se conectará ao trecho 3.

Trecho 3 – Entre avenidas Dom Luís e Abolição

Com fluxo intenso de pedestres e ciclistas, a Av. Desembargador Moreira é um convite para aqueles que desejam sair para compras a pé, passeios e lazer. Pensando nessa demanda, a região ganhará pavimento em blocos de concreto, ciclofaixa e um amplo e colorido calçadão no trecho entre a Av. Abolição e Dom Luís. A intervenção foi inspirada nas ruas de Santiago, no Chile, um convite para o pedestre caminhar e ficar. O local ganhará ainda paisagismo, mobiliários urbanos e nova iluminação. A avenida passará a operar em mão única, no sentido sertão/praia, com duas faixas de tráfego. Com a mudança, os veículos poderão acessar as ruas Osvaldo Cruz e Barbosa de Freitas para seguirem no sentido praia/sertão.