Maternidade-Escola suspende atendimento de emergência em Fortaleza

Foto: Reprodução

No último sábado (16), a Maternidade-Escola Assis Chateaubriand (Meac) informou que devido a superlotação nas suas unidades de Neonatologia, a MEAC está temporariamente sem condições de novos internamentos.

A MEAC recomenda que as grávidas priorizem outra Maternidade caso precisem de atendimento. No total há 51 vagas de UTI para recém-nascidos em situação de risco. Contudo, os atendimentos extras chegam a mais 19 bebês.

Ainda não há previsão de quando parte dos leitos será desocupado e o atendimento restabelecido. As vagas podem ser liberadas após a alta de assistidos ou transferências para outras unidades de atendimento.

Consultas, exames, cirurgias e atendimento aos pacientes adultos e recém-nascidos já internados permanecem sem alteração.