A partir desta terça-feira (23/03), começa em Fortaleza a vacinação contra Covid-19 dos idosos de 73 anos, previamente cadastrados no sistema Saúde Digital (https://vacinacaocovid.saude.ce.gov.br/) e agendados pela Prefeitura de Fortaleza. O público está inserido na segunda fase do Plano Nacional de Vacinação.

A relação dos idosos de 73 anos agendados será divulgada no site coronavirus.fortaleza.ce.gov.br, juntamente com as informações sobre data, horário e local da vacinação. Esses idosos também receberão mensagem via WhatsApp contendo as informações do agendamento.

Já os idosos de 74 anos, faixa etária que abriu a segunda fase da campanha nesta segunda (22/03), seguem sendo atendidos em paralelo aos de 73 anos. Os idosos de 74 anos que realizaram seu cadastro até sábado (20/03) já estão sendo agendados para receber a primeira dose esta semana. À medida que novos cadastros forem realizados, o agendamento será efetivado.

A expectativa da Prefeitura de Fortaleza é atender aproximadamente 4 mil idosos por dia, até domingo (28/03). A próxima faixa etária que será incluída será a dos idosos de 72 anos.

Segunda fase da campanha de vacinação

A segunda fase da campanha de vacinação contra a Covid-19, iniciada nesta segunda-feira (22/03) está ocorrendo de forma gradual e escalonada, começando pelos idosos de 74 anos. A Prefeitura continua organizando a vacinação por agendamento, a partir daqueles que já realizaram o cadastro na plataforma Saúde Digital (vacinacaocovid.saude.ce.gov.br), da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa).

Cadastramento para vacinação contra a Covid-19

O público prioritário da segunda fase da campanha de vacinação contra a Covid-19, idosos entre 60 e 74 anos, deve realizar seu cadastro na plataforma Saúde Digital (vacinacaocovid.saude.ce.gov.br), da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa). Após o cadastro, a Prefeitura realizará o agendamento para aplicação da vacina, de forma gradativa, priorizando os de mais idade.

Os idosos acamados ou com mobilidade reduzida receberão a aplicação do imunobiológico em sua residência. Após preenchimento das informações básicas de identificação (nome completo, CPF, data de nascimento e nome da mãe), na segunda etapa do cadastro no site, é preciso informar se o idoso está acamado. Caso a resposta seja positiva, após finalização do cadastro, a Prefeitura realizará o agendamento para aplicação da vacina de forma domiciliar.

Já no caso dos idosos que não têm acesso à internet ou possuem dificuldades em realizar seu cadastro, a Prefeitura atua diariamente com a busca ativa deste público, por meio das equipes da Estratégia da Saúde da Família (ESF), orientando sobre a vacinação e encaminhando para o recebimento do imunobiológico.