A Defensoria Pública do Ceará realizará nos próximos dias 29, 30 e 31, o segundo momento do Mutirão de Atendimento Online, desta vez nas comunidades Alto das Dunas e Cidade de Deus. A iniciativa atende a necessidade de, em tempos de pandemia e isolamento social, realizar o atendimento comunitário da Defensoria e em respeito às medidas preventivas contra a Covid-19. O dia D de atendimento dos defensores será no sábado, dia 31, com a disponibilização de computadores na comunidade para a realização da ação.

Os atendimentos se dão por meio de agendamento prévio, tendo dois dias para realização de verificação de documentos necessários à demanda (29 e 30). Dia 31, sábado, é a vez dos atendimentos individuais com defensores e defensoras públicas para orientação jurídica e protocolo de ações.

Na comunidade, a Defensoria Pública viabiliza uma estrutura para o atendimento virtual, com a disponibilização de computadores instalados na sede da Assembleia de Deus Templo do Senhor, obedecendo às restrições sanitárias vigentes. Quatro defensores fazem o atendimento remoto de 8h às 12h.

A primeira edição do mutirão online da história da DPCE aconteceu em maio, na data de comemoração ao Dia da defensora, do defensor e da Defensoria, no bairro Canindezinho, em Fortaleza. A coordenadora das Defensorias da Capital, Sulamita Alves Teixeira, destaca as boas expectativas para o próximo encontro. “Nosso primeiro mutirão foi um momento muito gratificante e que aqueceu nossos corações, trazendo à memória os trabalhos dentro das comunidades. Nosso intuito é justamente ampliar a capilaridade do nosso serviço, chegando às comunidades em situação de vulnerabilidade digital”, pontuou.

A defensora pública e assessora de Relacionamento Institucional, Michele Camelo, destaca a importância do apoio da sociedade civil neste novo formato. “A integração com os líderes comunitários e movimentos sociais tem sido indispensável para que o Mutirão Online consiga se comunicar com as pessoas dentro das comunidades, já que os atendimentos são exclusivamente agendados, pois não estamos podendo abrir para demandas espontâneas pelas condições sanitárias. Seguimos sempre firmes no compromisso de garantir o acesso aos direitos, de prestar orientações e promoção da educação e o mutirão vem sendo essa porta de acesso em tempo de distanciamento”, destacou Michele Camelo.

SERVIÇO

Assembleia de Deus Templo do Senhor

Endereço: Rua Bento Correia da Câmara, nº 333, Vicente Pizon

Triagem: Dias 29 e 30 –  13h às 17h

Atendimento com defensor(a) – 31 – 8h às 12h

Informações: 9 8690-2857