O prefeito de Fortaleza, José Sarto, assinou na terça-feira (13), a ordem de serviço oficializando o começo da reforma da nova Feirinha de Artesanatos da Avenida Beira-Mar. O equipamento terá mais de três mil metros quadrados de área construída, designado ao comércio para a venda de produtos artesanais e regionais do Ceará. Segundo o cronograma de execução estabelecido, as obras, efetuadas pela Secretaria Municipal da Infraestrutura (Seinf), terão duração de cinco meses.

Funcionando de forma improvisada, a atividade comercial existia há mais de 28 anos na orla da Capital. Agora, com as obras de reordenação, o local deverá receber infraestrutura apropriada para atender melhor os turistas e oferecer melhores condições de trabalho aos licenciados. A urbanização será incluída nas obras da Nova Beira-Mar, com novo calçadão, paisagismo e iluminação.

O prefeito declarou, via transmissão ao vivo, que a Avenida Beira-Mar é o cartão postal mais diferenciado, e que essa reforma irá intensificar o turismo na Capital. “Toda essa requalificação auxiliará, pelo enorme potencial, o processo de retomada econômica, comercializando nossos produtos gastronômicos e artesanais para pessoas do mundo inteiro e garantindo o sustento de homens e mulheres empreendedoras”, disse Sarto.

Modernidade
Com investimento de R$ 9,1 milhões, a nova feirinha de artesanatos da Beira-Mar será um espaço destinado a potencializar o comércio local e atrair mais visitantes, tanto os turistas quanto os moradores da Capital. Além de deixar de funcionar da forma costumeira, o espaço, que é um dos maiores polos do artesanato ao ar livre de Fortaleza, ficará moderno e adequado para acolher o empreendedor local.

Nas obras de revitalização, os boxes serão construídos em alvenaria, com acabamentos em alumínio e cobertura tensionada. Desta forma, oferecerá mais sombreamento, ventilação, e permitirá o funcionamento do espaço também durante o dia, impulsionando as vendas e o conforto para clientes e comerciantes.

Junto com as melhorias na estrutura da nova feirinha, o espaço também permitirá a locação da Associação dos Feirantes da Beira-Mar (Asfabem), como também, irá contar com espaços destinados para serviços alternativos, como a utilização de caixas eletrônicos.

Suporte
De acordo com a prefeitura de Fortaleza, como forma de certificar o planejamento e ordenação da Avenida Beira Mar, através de mediação da Secretaria Regional 2, em parceria com a Asfabem, está sendo mantido diálogo permanente com os permissionários da tradicional Feirinha de Artesanato da Volta da Jurema.

O presidente da associação, Sérgio Gonçalves, se mostrou grato à prefeitura pelo suporte na agilidade das instalações nos lugares provisórios, pela parceria e pelo atendimento oferecido. “Temos certeza que a nova feirinha vai nos proporcionar conforto, segurança e desenvolvimento econômico para os nossos negócios”, destacou Sérgio.

Regulamentação
Em 2019, foi sancionada a Lei Nº 10.870, pelo ex-prefeito Roberto Cláudio, que outorga o exercício das atividades comerciais naquele espaço público de forma regulamentada, aos atuais ocupantes da Feirinha. Seguindo a legislação, foram entregues 662 termos de permissão de uso aos licenciados que atuam no comércio aberto.

No mesmo ano da sanção da lei, devido ao avanço das obras de urbanização da Beira Mar, a Feirinha foi realocada para o Aterro da Praia de Iracema. Atualmente a Feirinha segue, de forma temporária, localizada em uma parte do novo calçadão.