Quem definiu como meta de ano novo investir na própria qualificação para conquistar uma boa oportunidade no mercado de trabalho deve aproveitar uma das 7.525 vagas que a Universidade Estadual do Ceará (Uece) ofertará neste ano para a formação em cursos técnicos no âmbito do programa Qualifica Mais, do Governo Federal. Esta é a maior oferta de vagas para este tipo de cursos já realizada pela UECE em convênio com o Ministério da Educação.

Somente no primeiro semestre de 2022, serão oferecidas 2.025 vagas para os cursos de Agricultor familiar, Agricultor orgânico, Almoxarife, Escriturário de banco e recepcionista em serviços de saúde. Ao todo, serão 81 turmas, distribuídas em 43 municípios do Ceará (Fortaleza, Caucaia, Maracanaú, Maranguape, Guaiúba, Eusébio, Horizonte, Pacajus, Pacatuba, Pacoti, Caridade, Canindé, Itaitinga, Beberibe, Cascavel, Campos Sales, Mauriti, Brejo Santo, Barbalha, Crato, Juazeiro do Norte, Missão Velha, Mombaça, Piquet Carneiro, Camocim, Meruoca, Viçosa do Ceará, Sobral, Santa Quitéria, Coreaú, Itapipoca, Limoeiro do Norte, Russas, Jaguaribara, Jaguaribe, Iracema, Quixadá, Quixeramobim, Boa Viagem, Senador Pompeu, Aiuaba, Tauá e Parambu).

As aulas ocorrerão duas vezes por semana, de forma presencial. Para essas vagas, o período de pré-matrícula vai de 3 a 17 de fevereiro. A confirmação da matrícula ocorrerá de 18 a 29 de fevereiro, e as aulas terão início no dia 9 de março. A realização dos cursos conta com o apoio das prefeituras municipais, que contribuirão com a infraestrutura necessária.

“Além de ser uma universidade pública de referência nacional na oferta de cursos de graduação e pós-graduação, a Uece também possui longa experiência na oferta de cursos técnicos para os cearenses, participando, desde 2015, do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Esses cursos fortalecem a interiorização da Uece e oferecem aos jovens e adultos do nosso Estado a oportunidade de obterem uma qualificação profissional de excelência e, assim, transformarem suas vidas. A Uece atua para democratizar cada vez mais o acesso ao ensino público de qualidade e, com isso, proporcionar o desenvolvimento socioeconômico da população cearense. Por conhecer a atuação da Uece e a qualidade da nossa equipe, o Ministério da Educação fortaleceu essa parceria e possibilitou a maior oferta de vagas em cursos de formação continuada já realizada pela Uece”, destaca o reitor da Universidade, professor Hidelbrando Soares.