Foto: Divulgação

Um gigante de 330 metros de comprimento por 48 metros de largura prendeu a atenção de quem esteve no Porto do Pecém na manhã do último sábado (29). Procedente do porto de Salvador, o MSC Shuba B atracou no berço 10 do TMUT (Terminal de Múltiplas Utilidades) pouco depois das 11h30 da manhã para fazer história: se tornar o maior navio a já ter atracado no Pecém, desde que o porto cearense foi oficialmente inaugurado em março de 2002.

Com capacidade para 12.238 TEUs (unidade equivalente a um contêiner de 20 pés), o navio veio ao Ceará pela primeira vez para cumprir a rota do serviço NWC, operado pela MSC (Mediterranean Shipping Company) para conectar o Brasil ao norte da Europa.

“A chegada desse navio é motivo de orgulho para todo o time de profissionais do Porto do Pecém, principalmente para aqueles que estão conosco há muitos anos. Concluímos recentemente a obra do berço 10 para elevar nossa capacidade operacional e agora, pouco tempo depois, estamos ganhando a oportunidade de receber um gigante dos mares, um grande presente justamente no ano em que celebramos os 18 anos de operação do nosso terminal portuário. Assim, vamos seguindo a orientação do Governador Camilo Santana de transformar o Pecém no portão de entrada e saída de cargas para o nordeste brasileiro”, enfatiza Danilo Serpa, presidente do Complexo do Pecém.

“É muito gratificante ter acompanhado a evolução dos navios de contêineres no Porto do Pecém. Podemos citar alguns exemplos dessa evolução, como a nova geração de navios de cabotagem com tamanho variando entre 255m e 280m. Depois passamos a receber os navios de 300m e agora batemos um novo recorde com a chegada do MSC Shuba B e seus 330m de comprimento, o primeiro dos muitos gigantes que passarão a aportar em nosso Terminal”, celebra Waldir Sampaio, diretor Executivo de Operações do Complexo do Pecém.