Foto: Divulgação

O Centro Universitário Unifametro (UNIFAMETRO), por meio do Complexo Odontológico, disponibiliza atendimento odontológico gratuito para mulheres vítimas de violência doméstica. Segundo o coordenador do curso de Odontologia da Unifametro, Prof. Paulo André Carvalho, esse serviço faz parte de um Projeto de Extensão chamado o “Direito de Sorrir”, por meio de um convênio com o Tribunal de Justiça do Estado do Ceará.

O objetivo do convênio é oferecer tratamento odontológico de qualidade para mulheres que foram vítimas de violência doméstica e familiar. O tratamento é oferecido tanto para quem sofreu agressão na região da face quanto para quem precisa de acompanhamento regular. “Nossos alunos passaram por um treinamento e todas às quintas-feiras nós reservamos seis vagas para atendimento”, destaca o profissional, que completa: “A triagem para os atendimentos é realizada pelo Juizado Especial da Mulher de Fortaleza”.

Para não violar a imagem das vítimas, os serviços, realizados no Complexo Odontológico, são sigilosos, sem a identificação das pacientes. No entanto, somente o aluno que faz o atendimento fica ciente da situação. De acordo com o Professor Paulo, a mulher tem direito a todo tratamento restaurador. Em casos de agressões recentes, é feito um raio-x panorâmico e também tomografia, se houver necessidade. Há também a emissão de laudo a respeito das lesões encontradas, desde hematomas e fraturas.

“Além do tratamento odontológico, que visa restaurar a função dos dentes perdidos e também a estética, estamos escrevendo um projeto de atendimento que irá beneficiar os filhos dessas mulheres que estão em situação de violência doméstica e familiar”, finaliza o coordenador do curso de Odontologia da Unifametro.