Promovendo, estimulando e garantindo o acesso à cultura de qualidade, ‘Oficinas da Villa’ está pronto para retomar suas ações em São Gonçalo do Amarante. O projeto, que está completando quatro anos de atividade no município, oferece aulas gratuitas de ballet, capoeira e música em contraturno escolar. A novidade para este ano é a formação de uma turma baby class no ballet.

Podem se inscrever crianças, adolescentes e jovens regularmente matriculados na rede pública de ensino. As matrículas acontecem entre os dias 08 e 12 de março, sempre das 08h às 11h e das 13h30 às 17h na Associação das Famílias do Pecém – ASFAP (R. Dona Mocinha, 87, Pecém – Antigo CCF), onde pais e/ou responsáveis devem apresentar um comprovante de residência e o documento do(a) aluno(s). Ao todo serão abertas 70 vagas, preenchidas por ordem de chegada.

Por conta da pandemia, as aulas seguirão todos os protocolos sanitários vigentes para o enfrentamento do coronavírus, como distanciamento, uso de máscaras, higienização das mãos e equipamentos com álcool gel. A fim de proporcionar uma experiência real do palco aos alunos e estender ao público em geral uma rica vivência cultural, ‘Oficinas da Villa’ prevê uma apresentação artística aberta para o público geral, o que só vai acontecer quando e se houver mudanças no cenário, tornando a reunião presencial possível e segura para todos.

“Seguimos com a missão de liberar sentimentos e emoções através das Oficinas da Villa, que refletem as manifestações culturais, transformando-as em linguagem social que incentivam a criatividade e melhoram a autoestima de todos os que são tocados direta ou indiretamente pelo projeto. Convidamos os pais a conhecerem o espaço onde acontecem as aulas, a ASFAP, e aguardamos os alunos para mais um ano de proximidade, muito aprendizado e alegria”, completa a gestora Ana Paula dos Santos.

Viabilizado pela Lei de Incentivo à Cultura do Governo Federal, o projeto ‘Oficinas da Villa’ é apresentado pelo Ministério do Turismo através da Secretaria Especial de Cultura com patrocínio da RIP KAEFER e produção da Villa 7 Cultura e da AH 7 Gestão Cultural com apoio da AnaMar Artes, ASFAP e Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante.