O óleo de coco se tornou o queridinho da cosmética verde e também para aqueles que buscam uma dieta equilibrada. Nas suas diversas formas, o óleo de coco extra virgem é rico em triglicerídeos de cadeia média (TCM), sendo mais absorvido pelo organismo gerando energia e não se acumulando em forma de gordura ‘ruim’ no corpo.

“Aliado à prática de atividades físicas e a uma boa alimentação, a ingestão do óleo de coco natural, ou seja, extra virgem, pode auxiliar na perda de peso em dietas específicas quando precisamos utilizar a gordura como fonte de energia”, comenta a nutricionista Tatiana Amalfi.

Conheça os benefícios do óleo de coco quando utilizado ao preparar alimentos:

Ajuda no emagrecimento: Por ser composto por triglicerídeo de cadeia média, ou seja, de fácil absorção pelo corpo, o óleo de coco é transformado em energia no fígado e não se acumula em forma de gordura nos tecidos adiposos. O alimento também acelera o metabolismo facilitando a queima de gordura.

Evita a prisão de ventre: Os óleos geralmente auxiliam na digestão do corpo, pois ao se misturar com o bolo alimentar, facilita a passagem pelo sistema digestivo. Além disso, como em contato com o estômago se transforma em antibactericida, o óleo de coco favorece a flora intestinal com a eliminação das bactérias ruins do intestino.

Substitui os tradicionais óleos de cozinha: O óleo de coco é o mais indicado para cozinhar. Composto por TCM, não oxida ao atingir altas temperaturas e também não altera as propriedades nutricionais. Os óleos de soja e milho, por exemplo, ao chegar ser aquecido se transforma em gordura trans, ao contrário do óleo extraído do coco.

Energia para treinos: Como fonte de energia rápida, a ingestão do óleo de coco é recomendada para quem pratica atividades físicas. Aliado ao café, por exemplo, a junção da gordura com a cafeína, se torna um excelente termogênico que pode ser consumido antes de treinos.

Usado para temperos de saladas e preparo de doces: O óleo de coco pode substituir o azeite ao temperar saladas e trazer um sabor levemente frutado a refeição. Além disso, ele pode ser incluído em receitas de bolos, brigadeiros e tortas no lugar da margarina. A modificação permite receitas em versões saudáveis e nutritivas.