Desenvolver uma comunicação efetiva é um fator que garante o sucesso e a eficácia no atendimento policial em inúmeras situações, principalmente se for necessário lidar com turistas ou receber ocorrências em outro idioma. Para evitar que a linguagem se torne uma barreira e para que esses procedimentos sejam aplicados de forma precisa e segura, os 30 alunos do Curso de Policiamento de Turismo (CPTur), promovido pela Academia Estadual de Segurança Pública do Ceará (Aesp/CE), participam de aulas teóricas e práticas de inglês e espanhol aplicados ao serviço policial.

De acordo com o professor da disciplina de inglês básico, cabo PM Josivan Alves Ribeiro, a ideia é que o policial seja capaz de estabelecer uma comunicação básica com os estrangeiros, e assim melhor atender aos turistas. “Muitas vezes eles têm um certo receio e timidez, por não utilizar muito o inglês no dia a dia. Então, pensamos na época que foi formatado o curso em colocar essas disciplinas, para eles terem uma mínima desenvoltura. Na nossa área de atuação, é muito comum os turistas nos procurarem, por isso treinamos o policial realizando situações práticas que simulam o trabalho real”, explicou Josivan.

A metodologia usada durante a disciplina inclui aplicação de exercícios, trabalhos em grupo, simulações, montagem de textos e frases com vocabulários comumente utilizados pelos agentes da segurança pública em situações cotidianas e importantes.

Para o aluno, tenente PM Raimundo Nonato Farias Cruz, esse conhecimento é muito importante para a rotina diária exercida pelo Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur) da Polícia Militar do Ceará (PMCE). “São palavras que nós podemos utilizar para informar aos turistas os locais desejados, como também nas ocorrências que envolvam esses estrangeiros. Outro momento que esse aprendizado também ajuda bastante é na abordagem com os turistas que cometem furtos ou crimes na nossa cidade, ou seja, é uma forma de comunicação mais eficaz que protege tanto o turista quanto o morador local”, comenta Farias.

O CPTur iniciou no último dia 5 e segue até o dia 30 de julho. As disciplinas de noções de inglês e espanhol aplicados ao serviço policial tem carga horária de 24 horas/aula para cada língua.

Serviço especializado e apoio ao turista

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) oferece serviços especializados aos turistas nacionais e estrangeiros que chegam à Capital cearense, por meio do Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur) da Polícia Militar do Ceará (PMCE) e da Delegacia de Proteção ao Turista (Deprotur) da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE).

O BPTur atua 24 horas por dia nos principais pontos turísticos de Fortaleza, Região Metropolitana e em todo o litoral do Ceará, com rondas em viaturas, motos, bases móveis e policiamento a pé e de bicicleta.

Já a Deprotur atua no combate aos crimes que têm como alvo os turistas em geral, além de promover operações de combate a furtos em hotéis e pousadas. Em funcionamento desde dezembro de 2014, na Rua Costa Barros, 1971, no bairro Aldeota, a unidade possui profissionais habilitados para conversação em inglês, espanhol e francês, além de uma estrutura acessível a todos.