Foto: Divulgação

A Polícia Militar do Ceará (PMCE), por meio do 1º Comando Regional da Polícia Militar (1º CRPM), realizou a distribuição de quase oito toneladas de alimentos arrecadados entre os policiais militares e doados para as pessoas que estão em situação de vulnerabilidade social devido à pandemia. A ação solidária aconteceu nesta terça-feira (13) e cerca de 600 famílias foram contempladas com a campanha.

A iniciativa surgiu dos próprios policiais militares. Com o apoio do comandante do 1º CRPM, tenente-coronel Sampaio, responsável por toda a área de Fortaleza, nasceu a ideia de iniciar uma campanha de arrecadação de alimentos em todos os dez Batalhões da PMCE de Fortaleza.

A arrecadação de alimentos iniciou no dia 26 de março e encerrou nessa segunda-feira (12). Ao todo, foram 18 dias de doações feitas de forma voluntária pelos policiais militares que abraçaram a missão de ajudar. “Encerramos a arrecadação com quase oito toneladas de alimentos doados. Sem dúvida a união de todos os integrantes do 1° CRPM demonstrou, além da generosidade, a empatia com a dor de quem tanto precisa”, afirmou o tenente-coronel.

As cestas básicas foram distribuídas entre as comunidades carentes com a ajuda da Assessoria de Polícia Comunitária (APCOM) da PMCE, com todos os cuidados necessários para não gerar aglomeração.

A entrega aconteceu em vários batalhões e algumas das cestas foram levadas até as casas das famílias contempladas, pelos próprios policiais militares. Foi tudo pensado para que os alimentos chegassem o mais rápido possível e de forma segura, sem riscos de aglomeração ou contaminação.