Origem do povo cearense é mapeada a partir de DNA e publicada em livro

O Instituto Myra Eliane lança na próxima terça-feira (04), às 19h30, através de transmissão ao vivo, o livro “O Cearense Revelado: uma jornada via DNA desvenda nossa ancestralidade”. A obra, de autoria do jornalista Luís Sérgio Santos, é uma continuidade ao ensaio “O Cearense”, do professor e ex-governador do Ceará, José Parsifal Barroso, publicado em 1969, e reeditado em 2017. 

Com prefácio do presidente do Instituto Myra Eliane, Igor Queiroz Barroso, “O Cearense Revelado” mostra, através da pesquisa inédita GPS-DNA Origins Ceará, o padrão genético da composição do cearense. A análise genética foi realizada no Laboratório DDC, em Ohio (EUA), a partir de amostras colhidas em todo o Ceará.

“Essa é a via que nos permite agora mostrar O Cearense Revelado. Para isso, o apoio de cientistas na pesquisa foi fundamental, notadamente a metodologia desenvolvida pelo professor Eran Elhaik e seu time, que criaram o algoritmo GPS — Geographic Population Structure (Estrutura Geográfica da População), método que permite o rastreamento genético ancestral a partir de amostras de DNA. Essa nova escalada parece-nos somente o início de uma grande revolução na história da humanidade, notadamente no campo da Medicina Molecular”, ressalta Igor Queiroz Barroso.

Desenvolvido em 14 capítulos, o livro traz os temas:  A gênese de O Cearense; Diálogos com Gilberto Freyre; Visões do Ceará; O “cabeça-chata”; A evolução humana; Rastreamento genético via DNA; Os grupos genéticos do cearense; A análise de Eran Elhaik; Fennoscandia e a Era Viking; África Ocidental, entreposto escravagista; América Central, conexão norte-sul; País Basco, o sangue ferve; Arábia: judeus, sírios e libaneses e A fala de algumas amostras. 

A live de lançamento do livro será transmitida pelo Youtube do Instituto Myra Eliane, Facebook (@myraeliane), Instagram (@myraeliane) e contará com a participação do presidente do Instituto Myra Eliane, Igor Queiroz Barroso; do autor do livro, professor Luís Sérgio Santos e do colaborador técnico da pesquisa, médico Evangelista Torquato. O biogeneticista Eran Elhaik, professor-doutor da Universidade de Sheffield (Reino Unido), consultor na pesquisa genética e autor da metodologia GPS (Geographic Population Structure), também participará do momento, através de conexão, direto da Suécia.