A nova lei de trânsito, que entra em vigor no dia 12 de abril, pode beneficiar os motoristas que atingiram o limite de pontuação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) – até agora, 20 pontos. Entre as mudanças da nova lei está o novo limite de pontuação da CNH, que passa a ser de 40 pontos.

E como vai beneficiar? O condutor que não tenha cometido nenhuma infração gravíssima terá seu limite de pontuação automaticamente ampliado para 40 pontos.

Ou seja, se ele já tiver um mínimo de 20 pontos, o que suspenderia sua CNH, esse condutor passará a ter 40 pontos, criando uma “folga” na pontuação de forma imediata.

Caso o motorista tenha cometido uma infração gravíssima, o limite da carteira, no novo Código de Trânsito, cai para 30 pontos. Com duas penalidades gravíssimas, o limite de pontos passa a ser de 20.

Nessa última situação, se o condutor tiver alcançado a pontuação, terá que cumprir uma suspensão e fazer o curso de reciclagem.

Motoristas profissionais

Para o condutor profissional, o limite para a suspensão da CNH será de 40 pontos, independentemente da natureza das infrações. Isso valerá para motoristas de ônibus e caminhões, taxistas, motoristas de aplicativo ou mototaxistas.

Diário da manhã